Nossas Especialidades




Artroscopia e Traumatologia Esportiva

Artroscopia
As articulações são projetadas para dar liberdade de movimento ao nosso corpo. Entretanto, o desgaste determinado pelo estilo de vida, pelo processo normal de envelhecimento, doenças ou lesões acidentais, podem causar distúrbios articulares. A artroscopia pode ser um componente crucial no diagnóstico e tratamento bem sucedido de seu problema articular. Com a artroscopia, seu médico pode procurar um diagnóstico mais apurado, prescrever o tratamento apropriado e realizar muitos procedimentos cirúrgicos.

O método
O artroscópio é um instrumento que permite ao cirurgião enxergar diretamente dentro da articulação que está incomodando o paciente. O trabalho é feito por meio de pequenas incisões, causando menos trauma aos tecidos e proporcionando uma cura melhor e mais rápida. O procedimento de artroscopia pode levar de 30 minutos a algumas horas. A anestesia poderá ser regional (peridural ou raqui) ou geral.

Indicações
Há um grande número de razões para a recomendação da artroscopia. Dentre elas, estão as lesões meniscais, lesões de ligamento, fraturas condrais, processos tumorais, sinoviais e outros.

 

Traumatologia Esportiva
A lesão muscular está entre as lesões mais frequentes na prática esportiva, podendo ocorrer por um trauma direto ou de forma indireta. Fatores individuais, o tipo de atividade realizada, a forma como é realizada e mesmo uma falta de orientação ou preparo para realizá-la podem predispor a uma lesão muscular.

A câimbra e a dor muscular após atividade física são consideradas lesões musculares, isto é ocorre uma micro lesão da musculatura que se traduz em dor.
As lesões musculares podem ser quantificadas ou graduadas de acordo com a gravidade e quantidade das lesões. Quantificamos a repercussão clínica, ou seja, os sinais e sintomas através da anamnese e exame físico e o tamanho da lesão através de um exame radiológico.

Clinicamente um paciente com lesão muscular se apresenta como dor, aumento de volume ou não do local acometido, presença ou não de hematoma no local e dificuldade para realizar um movimento ou atividade.

A grande maioria das lesões musculares é tratada de maneira conservadora com afastamento da prática esportiva, medidas analgésicas que podem ser até mesmo o uso de muletas ou tipoias e muito importante a realização de uma fisioterapia ou hidroterapia.





DEPOIMENTOS
Pronto
Atendimento